• Celso Peixoto Soares

Você sofre de Halitose?

Atualizado: 23 de Nov de 2019

Em 22 de setembro foi celebrado o Dia Nacional de Combate à Halitose. De acordo com dados da Associação Brasileira de Halitose (ABHA), 57 milhões de brasileiros têm halitose crônica, que aparece com mais frequência entre os idosos, mas segundo estudos, Jovens e crianças não estão imunes.

Os mais velhos são os mais afetados porque nessa fase da vida tomam remédios como antidepressivos, que diminuem a produção de saliva. A boca seca é uma das principais causas do mau hálito.

Segundo a Associação, o mau hálito não é uma doença, mas sintoma de que algo não vai bem no organismo. Pode ser um sinal de que a pessoa está doente ,com diabetes ou hipertensão. Existem mais de 50 causas para o mau hálito e cerca de 90% delas têm origem na boca, como o sangramento da gengiva. Somente 1% dos casos é do estômago.

Apesar de quase 30% da população terem o problema, a maioria não sabe da existência dele.

Depois de um tempo, o indivíduo se habitua ao odor constante, o que os especialistas chamam de fadiga olfatória, e não sente o próprio mau hálito. Cuidados para evitar o mau hálito, segundo a Associação Brasileira de Halitose:

Comer a cada três horas para estimular a salivação e evitar a boca seca. Alimentos cítricos são uma boa opção;

Escovar os dentes, usar o fio dental e o raspador lingual após cada refeição; Tomar, pelo menos, dois litros de água por dia; Mascar chiclete depois das refeições ajuda a limpar a cavidade bucal e na salivação. As marcas sem açúcar são ideais; Prefira antisséptico bucal sem álcool, pois resseca menos a mucosa da boca.


Fonte: APCD Online

1 visualização

Av. Vereador José Diniz, 3766 - Campo Belo

São Paulo - SP, 04604-007, Brazil

©2019 by Odontologia Soares

  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram